Você está aqui: Página Inicial > Todas as notícias > IFPE tem cinco trabalhos premiados no Naíde Teodósio

Notícias

IFPE tem cinco trabalhos premiados no Naíde Teodósio

Cerimônia de entrega do prêmio, que busca incentivar a produção de trabalhos relacionados a questão de gênero, no Teatro Santa Isabel
por publicado: 03/12/2017 18h34 última modificação: 03/12/2017 18h34

O IFPE teve cinco trabalhos entre os vencedores do prêmio Naíde Teodósio. A cerimônia de premiação foi realizada na última sexta-feira (1º), no Teatro Santa Isabel. Promovido pela Secretaria da Mulher do Governo de Pernambuco, o concurso busca estimular a produção de redações, artigos científicos, projetos pedagógicos e roteiros de documentários relacionados à questão de gênero em suas várias dimensões.

Na categoria voltada para estudantes do Ensino Médio, o Instituto foi representando pela aluna Ingrid Marcela Moraes Santos, do Campus Belo Jardim. Ela concorreu com o a redação intitulada “Gênero e Envelhecimento: a importância do empoderamento feminino da terceira idade”.

 “A temática de gênero e feminismo tem ganhado cada vez mais visibilidade, mas isso ocorre principalmente entre os mais jovens e é importante trabalhar a questão do empoderamento entre mulheres da terceira idade”, explicou a estudante, que integra um projeto de extensão com a mesma temática.

Entre os trabalhos produzidos por estudantes de cursos técnicos subsequentes, o IFPE teve três vencedores (as). Um deles é de autoria da estudante do Campus Igarassu,  Hozana de Souza Meireles, intitulado “Ecofeminismo e a busca pela salvação do meio ambiente”.

Os outros dois trabalhos premiados são do Campus Igarassu, produzido pelos estudantes Ítalo Avelino Soares e Sara Gisele Vieira dos Santos. As redações tiveram como título “A luta da mulher além do tatame, a vitória na vida” e “Mulheres na Política”.

A Técnica de Assuntos Educacionais e coordenadora do Núcleo de Estudos sobre Gênero e Diversidade (Neged) do Campus Ipojuca, Danielle Tavares, também está entre as vencedoras com o projeto pedagógico “Articulando Gênero e Raça na Educação Técnica de Nível Médio: O caso das estudantes egressas do IFPE – Campus Ipojuca”. “Acho que esse prêmio contribui para fortalecer ainda mais o trabalho relacionado às questões de gênero dentro do Instituto, que já tem recebido um grande apoio por parte da reitoria”, afirmou Danielle Tavares.

Os prêmios foram entregues pela secretaria estadual da mulher, Sílvia Cordeiro. Neste ano, o prêmio Naíde Teodósio alcançou um número recorde de inscrições, com 1.618 trabalhos inscritos. 

registrado em: , ,