Você está aqui: Página Inicial > Campus > Caruaru > Notícias > Começa o período de matrícula para aprovados no Vestibular 2017.1

Notícias

Começa o período de matrícula para aprovados no Vestibular 2017.1

Candidatos devem apresentar toda a documentação exigida no Edital de Matrícula.
publicado: 09/01/2017 09h40 última modificação: 09/01/2017 09h46

Os candidatos aprovados no Vestibular IFPE 2017.1 para os cursos do campus Caruaru devem ficar atentos ao período de matrícula, que acontece essa semana. A documentação será recebida na Coordenação de Registros Acadêmicos e Diplomação (CRAD), das 9h às 12h e das 14h às 17h. Para cada curso existe uma data específica. 

Aprovados na modalidade integrado devem comparecer ao campus nas seguintes datas: 09/01 - Edificações ; 10/01 - Mecatrônica ; 11/01 - Segurança do Trabalho. A matrícula para o subsequente em Segurança do Trabalho e para o curso superior de Engenharia Mecânica será no dia 12/01. O dia 13/01 foi reservado aos retardatários. 

No ato de matrícula, os feras devem apresentar toda a documentação exigida no Edital de Matrícula: carteira de identidade; foto 3x4 recente; original e cópia da certidão de nascimento ou casamento. Quem tiver acima de 18 anos deve apresentar também o título de eleitor e o documento comprobatório de regularidade com o Serviço Militar (no caso do sexo masculino). 

Os futuros estudantes dos cursos superiores e técnicos subsequentes devem entregar também o certificado original de conclusão do Ensino Médio e o Histórico Escolar (Ficha 19). Na ausência de tais documentos, a declaração de conclusão será aceita provisoriamente por um período de 30 dias. A mesma regra vale para os aprovados nos cursos técnicos nas modalidades Proeja e Integrado. A diferença é que estes devem apresentar a documentação relativa ao Ensino Fundamental (Ficha 18). 

Já os candidatos que optaram pelo sistema de cotas precisam redobrar a atenção com a documentação. Na matrícula, será necessário atestar que cursou integralmente o Ensino Médio (no caso dos cursos superiores e técnicos subsequentes) ou Fundamental (no caso dos cursos técnicos integrado e Proeja) em escola pública. Para quem optou pela cota social, será exigida, ainda, a comprovação de um rendimento familiar per capita de até um salário mínimo e meio. A lista completa de documentos exigidos pode ser consultada no Edital de Matrícula disponível no site da Cvest.