Você está aqui: Página Inicial > Campus > Recife > Notícias > Campus Recife hospeda projeto inovador de geração de energia maremotriz

Notícias

Campus Recife hospeda projeto inovador de geração de energia maremotriz

Grupo formaliza parceria com empresa americana em evento nesta quarta (31)
por publicado: 29/03/2021 17h31 última modificação: 29/03/2021 17h31

Uma tecnologia de ponta, capaz de converter a energia gerada pelas ondas do mar em energia elétrica. Esse é um dos objetivos do grupo pesquisa do campus Recife, Desenvolvimento e Simulação Computacional de WECs (Wave Energy Converters) de Baixa Potência Aplicados na Costa Brasileira, e que está ficando cada vez mais próximo de se tornar realidade. Coordenado pelo professor do curso de Mecânica (Técnico e Engenharia) Heber Nunes, o grupo celebra o recebimento do equipamento Oscillo Drive, doado pela empresa estadunidense Wave Wtaer Works LLC. Héber explica que o aparelho faz a captação do movimento das ondas do mar e realiza a transformação da energia mecânica obtida em energia elétrica. Um processo que, segundo ele, acontece sem emissões de gases de efeito estufa. O objetivo é que a experiência amplie os conhecimentos sobre energia maremotriz para que se possa construir um modelo universal. Uma tecnologia de grande impacto social e humanitário, sobretudo se for utilizada em regiões vítimas de desastres ou sem eletricidade, mas que contam com fontes de água com formação de ondas.

Além da parceria com a Wave Wtaer Works LLC, firmada ainda em 2019, a implantação do “Oscillo Drive” para estudos do grupo de pesquisa contou também com a doação de um flutuador feita pela empresa Máquinas Piratininga, além do apoio institucional do Consulado dos Estados Unidos no Recife e da Assessoria de Relações Internacionais (Arinter) do IFPE. O mecanismo já se encontra na sede do Campus Recife e a previsão é que sua fase de testes inicie até o fim do semestre de 2021, quando o item será instalado em pleno mar no Porto de Suape, localizado no município de Ipojuca. Até a data da instalação, a equipe irá trabalhar no Campus em sua estruturação, instrumentação e aquisição de dados sobre o equipamento para garantir que, quando estiver na água, sejam obtidas informações de qualidade. O grupo é formando majoritariamente por professores do Campus Recife, mas conta com integrantes de Ipojuca e Pesqueira, além de seis estudantes de Iniciação Científica.

O grupo tem grandes expectativas sobre os resultados advindos do trabalho com o novo equipamento, sobretudo porque o campus Recife é a única instituição brasileira que possui tal aparelho. “Quando instalado vamos medir tanto os dados de onda, quanto o de geração elétrica para caracterizar a geração de energia maremotriz em nosso território”, prevê Heber. Depois de feitas as explorações iniciais, a ideia é transformar o Oscillo Drive numa solução local, adaptada à topografia e às particularidades do litoral nordestino. Se bem-sucedido, o grupo tem sonhos altos: propor um modelo global de geração de energia maremotriz.

Para conhecer mais sobre o equipamento, o projeto de pesquisa e a parceria que viabilizou a chegada do Oscila Drive no Campus Recife, a comunidade poderá conferir a cerimônia virtual de transferência do equipamento, a ser transmitida através do Canal do IFPE no Youtube, na próxima quarta (31), ás 15h. Durante o evento, juntamente com a apresentação do protótipo do mecanismo, acontece também a formalização da doação do aparelho pela Wave Water Works LLC. Para assistir à solenidade, acesse o link disponível aqui na data e horário marcado.