Você está aqui: Página Inicial > Todas as notícias > IFPE promove II Encontro dos Povos

Notícias

IFPE promove II Encontro dos Povos

Com o tema “Povos e Etnias no Mundo do IFPE”, o evento é gratuito e aberto ao público
por publicado: 05/11/2020 18h58 última modificação: 06/11/2020 12h10

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE), por meio da Pró-Reitoria de Extensão (Proext), promove o II Encontro dos Povos, nos dias 18 e 20 de novembro. Com o tema “Povos e Etnias no Mundo do IFPE”, o evento será totalmente on-line, gratuito e aberto ao público em geral.

Em seus dois dias, o evento contará com apresentações culturais seguidas de mesas-redondas. No dia 18, o encontro terá a participação de nomes de referência, como: Enildo Soares, presidente da Associação de Ciganos de Pernambuco; Maria Marcela de Moura, representação estudantil do povo Xucurú de Ororubá; Valdenice José, líder do Grupo de Estudos e Pesquisas em Raça, Gênero e Políticas Públicas da Unicap; e Rufino Tarumbara, Reitor da Universidade Indígena Boliviana (Unibol). Já no dia 20, o encontro receberá a presença de Flávia Clemente, professora no Departamento de Serviço Social da UFPE; Antônio "Crioulo", coordenador executivo das Comunidades Negras Quilombolas (CONAQ); e Maria Márcia de Almeida ("Márcia do Angico"), integrante do comitê de Educação no Campo e da Comissão Quilombola de Pernambuco.

A coordenadora de Políticas Inclusivas da Proext, Laura Fabiana, destaca que as instituições de educação profissional, a exemplo do IFPE, têm promovido o desenvolvimento local a partir da formação profissional dos povos tradicionais para o mundo do trabalho e do rompimento de barreiras culturais que, muitas vezes, são impostas e que quando derrubadas se traduzem em resultados positivos das lutas antirracistas, como os avanços alcançados com as cotas em concursos públicos e em vagas de estágio nos órgãos públicos para negros e povos tradicionais.

"É diante dessas conquistas que a segunda edição do Encontro dos Povos celebra sua continuidade, mesmo ocorrendo em um ano atípico e de muitas lutas por direitos que ainda continuam lhe sendo negados e irreparáveis perdas com a chegada da COVID-19 em seus territórios. Desse modo, o evento se apresenta como espaço de construção dialógica crítico-reflexiva e de visibilidade em se discutir a inserção desses povos no mercado de trabalho e a constante luta por direitos básicos em tempos de crise”, ressalta Laura.

O público em geral poderá se inscrever gratuitamente até o dia 17 de novembro, através do link: https://www.even3.com.br/encontrodepovos2020/.

Acesse a programação completa AQUI.

registrado em: ,