Você está aqui: Página Inicial > Todas as notícias > Reitores do IFPE e IF SertãoPE discutem a proposta de reordenamento dos IFs

Notícias

Reitores do IFPE e IF SertãoPE discutem a proposta de reordenamento dos IFs

Evento virtual acontece nesta quinta-feira (9), em novo horário, às 16 horas
por publicado: 06/09/2021 17h38 última modificação: 08/09/2021 14h08

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE) promove, nesta quinta-feira (9), uma live com o reitor José Carlos de Sá para debater a proposta de reordenamento dos Institutos Federais apresentada pelo Ministério da Educação (MEC), que sugere a divisão de algumas instituições da Rede Federal, incluindo o IFPE. O evento, que acontece em novo horário, 16 horas, será transmitido pelo canal oficial do IFPE no Youtube e vai contar com a participação da  reitora do Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF SertãoPE), Maria Leopoldina Veras Camelo.

Na próxima semana, o IFPE irá promover ainda uma consulta a toda comunidade acadêmica, que vai poder se manifestar por meio de voto, expressando a sua concordância ou não com a proposta. A votação acontecerá por meio do sistema Fluxo IFPEdas 8h do dia 14 (terça-feira) até as 20h do dia 15 de setembro (quarta-feira).

O resultado da consulta será submetido à apreciação do Conselho Superior do Instituto (Consup), instância decisória maior da instituição. A partir daí, será oficializado o posicionamento do IFPE sobre a divisão do instituto dentro da proposta de reordenamento. O projeto do MEC não prevê a implantação de novos campi ou novas vagas para estudantes, apenas a redistribuição dos campi já existentes.

 

A PROPOSTA 

Atualmente, o estado de Pernambuco tem dois institutos federais: o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE) e o Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE), cada um com reitoria própria. O IFPE tem 16 campi, nos municípios de Abreu e Lima, Afogados da Ingazeira, Barreiros, Belo Jardim, Cabo de Santo Agostinho, Caruaru, Garanhuns, Igarassu, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Palmares, Paulista, Pesqueira, Recife e Vitória de Santo Antão. Já o IF SertãoPE possui sete campi, nos municípios de Floresta, Ouricuri, Petrolina, Petrolina (Zona Rural), Santa Maria, Serra Talhada e Salgueiro.

A proposta do MEC é dividir o IFPE e criar um terceiro instituto, o Instituto Federal do Agreste de Pernambuco (IF Agreste-PE), dividindo os campi já existentes. Nesse caso, os campi Belo Jardim, Barreiros, Caruaru, Garanhuns, Palmares, Pesqueira e Vitória de Santo Antão passariam a integrar o IF Agreste-PE. Já o Campus Afogados da Ingazeira iria fazer parte do IF SertãoPE. Com isso, o IFPE ficaria apenas com os oito campi da região metropolitana do estado: Abreu e Lima, Cabo de Santo Agostinho, Igarassu, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Paulista e Recife.

"Temos a responsabilidade de conduzir esse processo com extremo equilíbrio, no curto espaço de tempo que o MEC estabeleceu para nos posicionarmos. Amparado pela característica plural, participativa e democrática que está no DNA dos Institutos Federais, convido a todos e a todas para participarem desse momento, que é de fundamental importância na história do nosso Instituto", destacou o reitor.

>> Para saber mais, acesse aqui a proposta detalhada do MEC 

>> Acesse o Canal do IFPE no Youtube e defina o lembrete para não perder o evento